quarta-feira, 19 de agosto de 2009

o banheiro

Walter?


- Oi gata.


Depois de um post deprê, venho agora mostrar aos meus fiéis leitores de onde vem tanta criatividade. É coisa de família pessoas!


- Ai.


Que foi?


- Deu medo.


De que? Olha, uma pessoa que abre seu coração para a blogosfera não pode ter vergonha de pagar mico pode?


- Realmente você tem razão. Não pode nem deve.


Ai melldells! Me segura, Walterego concordou comigo! Será o Apocalipse? Ou só o Apocalipse Now? (Pessoas de - 25, procurem no google que vocês saberão a que me refiro.)


- Sim, mas... depois da sessão velharia, dá pra mostrar a que esse post se propõe?


Tá. Esse post fala de banheiro.


- Banheiros?


Não querido. Banheiro mesmo. Sem "s". No singular. Ou seja, especificamente UM banheiro. O da casa de meu avô.


- Pode explicar porque as pessoas vão achar interessante ouvir falar do banheiro da casa do seu avô? Se fosse o de alguém famoso até vai, mas o banheiro de "Seu" Wilson?


Elementar meu caro Walter, não se trata de um banheiro comum, trata-se na verdade de uma demonstração incondicional de amor pelas netas.


- ???? Voei.


Pois bem, vou te fazer aterrizar: O banheiro do qual falo, recebeu de mim, a charmosa alcoa de "Banheiro da Barbie", as pessoas inteligentes que leem esse blog já devem ter entendido o porque. Não se trata do banheiro do meu avô pessoas. (O dele é amarelo viu?) Trata-se do banheiro social da casa e que por muito tempo foi chamado de banheiro de Tia Zeca. (Tia Zeca é minha tia avó, que criou todos os filhos de minha avó e grande parte dos netos também.)


- Ainda não vi nada de interessante em falar que na casa de seu avô existe um banheiro gay...


Não é um banheiro gay amado. É um banheiro para meninas super fluffys! Pessoas eu explico mais ainda: Tudo no banheiro é rosa, do piso ao teto incluindo os utensílios lá existentes. Toalha de banho e rosto, tapetes, balde, vassoura, saboneteira, embalagens de shampoo e condicionador, tudoooooooo!


- Acho que agora ela surtou de vez... Gata, minha gata cheirosa, por favor racionaliza com Waltinho, o que em nome de Deus pode ser interessante neste post? E por favor me aponte exatamente onde é que está explicando a herança de sua criatividade?


Walter, Walter, Walter... Cada vez que converso com você vejo que mentes criativas não são para todos os mortais...


- No meu caso nem mortal nem imortal, apenas eu.


Hum rum.
A melhor parte vem agora pessoas: Seria um banheiro super cafona até então não é? Por favor não tenham vergonha, podem concordar comigo, beira a cafonice mas é MARA. Não bastando todas as tonalidades de cor-de-rosa encontradas nele, temos ainda um relógio de parede que canta musiquinha! (vide foto para comprovar!)





- Não sei se devo continuar com isso, mas minha curiosidade ou masoquismo são mais fortes e não me permitem parar por aqui. Gata, todo o degradê de rosa ainda se entende, mas um relógio de parede no banheiro... Qual a utilidade?


Aí é que está o xis da questão adorado. Nenhuma! Não há a menor necessidade dele lá, mas ao mesmo tempo parece que o lugar foi feito pra ele!


- Sei não gata, ainda sou da opinião que você deve apagar esse texto e tentar escrever outro. Tá parecendo que quer tapar buraco com essa história.


Achei divertido Wal. Me diz, onde é que se encontra uma situação tão pitoresca quanto esta?


- Pitoresca? Gata, você sabe mesmo o significado desta palavra?


Ofender não vale mocinho! É claro que sei e continuo achando pitoresco! Se você discorda, faça o favor de comentar. Não venha com sua rabugice estragar meu texto lindo.


- Aí você exagerou! Texto lindo? Gata, acho que agora você confundiu os conceitos de beleza com inutilidade.


Ofendeu de novo!
Quer saber? Vou deixar você falando sozinho, o meu povo lendo o texto e expondo seus próprios comentários. Depois conversamos pra ver quem estava certo.


- Tô pedindo de joelhos, não posta esta ... coisa.


Tarde demais gatinho, o texto já está no blog. Conviva com mais essa derrota.
Pessoas, agora é com vocês.
Beijomeliguem! ou melhor: Beijomeescrevam!



3 comentários:

Solange Maia disse...

É legal termos na memória esses lugares mágicos... Sorry Walter mas o banheiro é o máximo !!!

ps. Fiquei feliz em saber que estão caminhando... Ah, e nada, nunca, é devagar... é o ritmo de vocês... fiquei feliz !!!!

Você é linda !!!!

Dyana Barlavento disse...

Amodoro esse banheiro... e todas as minhas amigas de infância morrem de inveja dele!!!!!
Tenho que discordar de vc Walter... pela primeira vez... Layla saiu na frente... queria ter falado desse banheiro no meu blog antes...

Barlavento disse...

Irmã!
Faltou a foto da privada, que tb é rosa! Uma pena terem tirado o Bidê... (adivinha a cor dele?)
Beijomeligagata!