segunda-feira, 30 de novembro de 2009

depilação

Hoje me lembrei de minha companheira blogueira Dri Viaro. Mais especificamente sobre um post dela. Leiam aqui para entender.

Pois bem, fui a uma nova depiladora e nunca em toda a minha vida me senti tão envergonhada como ontem. Antes que vocês comecem a usar da criatividade, não, definitivamente o Walter não foi comigo.

- Muito revoltado! Deixo aqui o meu protesto!

Voltando:

Me senti exatamente igual à moça da história. Porque ela iria lembrar de minha Abigail e do meu Twin Peaks se ela vê centenas deles? O que é que os meus tem de diferentes que ela iria lembrar só deles? Depois de muito pensar descobri: São os meus entende?
Uma pessoa que consegue cair no corredor de um ônibus, pegar a escada rolante que desce pra subir e ter um Walterego como o meu, não poderia passar desapercebida numa depiladora que queria pedir a opinião de terceiros sobre o que ela chamou de “escultura”!
Outra coisa que não falei: sempre imaginei depiladora como uma mulher jovem e com cabelos coloridos, mastigando um chiclete e nos lábios um batom rosa pink, daqueles tipo 24 horas sabe? Então, aí me deparo com D. Márcia, uma senhora de cabelos grisalhos, evangélica, avó e de namorado novo! Me desarmou entende? Eu estava preparada para uma outra realidade, já estava eu com minha armadura a postos pronta pra mais uma sessão de vergonha até o último fio do cabelo, quando vejo que a banda tocava outra canção. Me derreti pessoas! Pensem numa figura? Fiquei tão à vontade que morri de vergonha! Rsrsrsrsrs
Precisava dividir isso com vocês.

- Gata?

Oi Wal.

- Não entendo porque a vergonha.

Imagina a cena Wal, minha doce avozinha, que Deus a tenha, debruçada numa maca me perguntando:
“Filhinha, você quer que eu cave mais ou está bom assim?” Não dá né?

- Pior você fez agora.

Hein?

- Raciocina gata, quantas pessoas estão lendo esse post agora?  E quantas depois vão colocar no google alguma palavra chave e vão chegar aqui? Toda a blogosfera agora sabe que sua depiladora é idosa, louca e que você chamou de Abigail e de Twin Peaks sua genitália.

Eita poxa! Né mesmo? Tô passada! Apaga tudo! Esquece o post, vou falar de borboletas no estômago!

- Agora já foi Gata.

Poxa Wal, você bem que podia ter evitado mais essa vergonha não é? Você foi um mau colega...

- Vergonha? Gata, quem te faz passar vergonha sou eu. O que você faz com você mesma são no mínimo micos. Esse digamos que barrou o King Kong moderno.

4 comentários:

pequena disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

amiga amei o post e os comentários sábios do Walter rsss A vovozinha deve ser mulher tbm e entender isso rsss né? rss

bjocas flor e boa seman pra vc

disse...

AHAUHAUAHUAHAUH O WAL É MAU aauhauahuahauha gente, tipo assim... depilação é sempre constrangedor, mas poxa Dona Márcia parece ser legal. UAHAUHAUAH

Dri Viaro disse...

kkkkkkkkkkkk putz amiga, sem comentários

bjsssssssssss

Marcia Gullo disse...

hahahahhaha eu também li esse post da Dri e vou falar aqui o mesmo que falei no dela.

Euzinha, sendo a contra o desmatamento da Amazonia, NUNCA, NUNQUINHA, irei fazer esse tipo de devastação na minha....deixa o apelido pra lá, vai que alguem no Google descobre, né Wal?!!

Beijinhos....

Adorei o cara do blog, viu como foi facil?!?! agora voce vai querer mexer com ela toda hora....quinem que eu..